Luna moth lagarta...
Tem uma lagarta no nosso quintal
A vida precisa do vazio:
a lagarta dorme num vazio chamado casulo até se transformar em borboleta.
A música precisa de um vazio chamado silêncio para ser ouvida.
Um poema precisa do vazio da folha de papel em branco para ser escrito.
E as pessoas, para serem belas e amadas, precisam ter um vazio dentro delas.
A maioria acha o contrário; pensa que o bom é ser cheio.
Essas são as pessoas que se acham cheias de verdades e sabedoria e falam sem parar.
São umas chatas quando não são autoritárias.
Bonitas são as pessoas que falam pouco e sabem escutar.
A essas pessoas é fácil amar.
Elas estão cheias de vazio.
E é no vazio da distância que vive a saudade...
Rubem Alves
Luna moth caterpillar ...
There's a caterpillar in our yard
Life needs emptiness:
the caterpillar sleeps in a void called a cocoon until it becomes a butterfly.
Music needs a void called silence to be heard.
A poem needs the emptiness of the blank sheet of paper to be written.
And people, to be beautiful and loved, must have a void within them.
Most think the opposite; thinks that the good thing is to be full.
These are the people who are full of truths and wisdom and speak without stopping.
They are boring when they are not authoritarian.
Beautiful are the people who speak little and know how to listen.
It is easy for these people to love.
They are full of emptiness.
And it is in the emptiness of distance that longing lives ...
Rubem Alves