Um símbolo da fauna brasileira, famoso pela força e a beleza, está na mira do maior predador da natureza: o homem.

Uma investigação da Polícia Federal revela como age uma rede de caçadores de onças-pintadas, em plena Floresta Amazônica. Uma prática ilegal, contra uma espécie que corre risco de extinção.