Cheguei ao limite. Estou cansada de deixar as pessoas pisarem em mim e eu por fraqueza, fingir que está tudo bem. Tudo bem me fazer sentir inferior. Tudo bem falar mal. Tudo bem inventar mentiras sobre mim. Tudo bem me excluir. Tudo bem me usar. Tudo bem. Mas cansei de dizer sempre a mesma coisa, não quero estar com um sorriso falso tentando enganar a mim mesma das decepções que me trazem. Não sou ninguém para elas, e talvez esteja feliz por isso. Agora, não quero estar bem, quero estar livre.