Seu coração bate mais rápido, seus dedos parece que tem vida própria, seus estomago faz festa, e sua vida passa mais devagar... cada segundo é um sofrimento infinito e um sentimento clássico de qualquer adolescente. Ansiedade, parece nome de gente mais mal sabe você que é a pior coisa que te pode acontecer, um frio na espinha uma coceira no corpo. Tantas formas de se fazer presente, tantos motivos para existir, e tao pouco se sabe . Ela é como uma borboleta que chega perto de sua cabeça, com toda uma graciosidade e leveza, você se anima e se faz feliz, por um momento o mundo é todo amarelo. Mas então vem outra e outra e outra, quando percebe um milhão delas está em você, tomando conta de todo o seu corpo e se alimentando da sua alegria. Quando se toma conta da verdade que não são borboletas, mais sim vespas sedentas, você corre, corre,corre. Então elas observando e esperando a hora em que parar de tentar, para começar tudo novamente.