Eu não sei se vocês pensam comigo nessa, mas às vezes a gente se vê conectando pessoas a cada término de relacionamento. Era pra ser bonito, certamente, mas quando isso é só o que te acontece durante anos - em relacionamentos que duram pouquíssimo - você se sente, no mínimo, um incompetente nas tuas relações.

E dói. Passa a doer e castigar teu coração perceber que depois que você foi embora da vida romântica de alguém, esta passou a caminhar, em relacionamentos bonitos e duradouros. O que existe em você que te tornou um espectador, não o protagonista?

Você se fecha e inicia uma investigação sobre si e quanto ao teu conceito sobre amor. Mas descobrir sozinho...bicho, é como ter que enfrentar um inverno de -1 ° sem um monte de casacos, sem sequer um cobertor mais quentinho pra te proteger à noite. É difícil e o frio te faz dormir encolhido numa cama de casal com as bochechas molhadas de lágrimas e "Good Times Gonna Come", do Aqualung, tocando nos fones de ouvido.
Mas as coisas mudam. Hold your heavy heart. A primavera vai encher teu quarto de flores, o calor do verão vai tornar as noites mais quentes e os drinks mais saborosos.

E, quando você menos esperar...um alguém, por anos, vai apertar tua mão à noite, durante um sonho ruim.