"Livraria, Café & Cia.". É o nome de um dos meus lugares favoritos no mundo inteiro, e é claro que hoje eu decidi ir lá, só para não perder o costume. Abri a porta e logo o cheiro de café e livros velhos invadiu minha mente, fui direto pedir meu café, expresso e sem açúcar. Ele logo ficou pronto, o sabor quente e forte tomou conta de minha boca e um sorriso em meus lábios rapidamente tomou forma. Passei os olhos pela loja, nada parecia diferente, muito menos novo. Andei calmamente até as estantes cheias de livros de todos os tipos, tamanhos e formas, usados e mofados, os melhores a existir. Por entre sagas velhas e histórias aclamadas, eu notei uma brecha na estante, um livro faltando. Olhei por ela e encontrei algo totalmente inusitado. Você. Foi a primeira vez que te vi. Estava tão lindo e parecia tão calmo e relaxado, com um moletom cinza e os cabelos pretos bagunçados pelo vento. Um exemplar do meu livro favorito em suas mãos. O livro que estava faltando. Estava lendo a contra-capa, provavelmente se perguntando se deveria pegá-lo ou não. Devo ter ficado te observando por alguns minutos, e ficaria por muito mais tempo se não tivesse, enfim, caído em mim. Eu tinha que falar com você, era uma urgência vinda do meu coração, a qual eu não podia simplesmente ignorar. "É um livro muito bom", comentei. Você olhou para os lados confuso, procurando de onde viera a voz, seus olhos encontraram os meus e, por alguns segundos, só existiam eu e você no mundo. "Você acha? Estava na dúvida" você finalmente falou. Sorri e assenti com a cabeça, "Um dos melhores". Você sorriu pra mim, disse que então levaria o livro, que estava confiando em mim e que era melhor eu não te desapontar. Você sorriu pra mim de novo, um sorriso bobo, que nunca mais saiu da minha cabeça. Falei que não se arrependeria e que se gostasse mesmo do livro, tinha com quem conversar sobre ele. Você riu e acenou, indo em direção ao caixa, os cabelos ainda bagunçados, o andar relaxado, a postura despreocupada. Foi naquele momento que eu soube. Soube que você não iria mais sair da minha vida, soube que te amaria, que nunca iria te esquecer. E eu nunca esqueci.
{ }
instagram page:
@_ripie