Tua existência morna não suporta meu ser em ebulição.

   @maishumanas