ninguém tem o direito de me julgar a não ser eu mesma. eu me pertenço e de mim faço o que bem entender.

RJ-Rio de Janeiro    http://simplismentegiovanna.blogspot.com/