Não me prendo a nada que me defina. Sou companhia, mas posso ser solidão. Tranqüilidade e inconstância. Pedra e coração. Sou abraços, sorrisos, ânimo, bom humor, sarcasmo, preguiça e sono. Música alta e silêncio. Serei o que você quiser, mas só quando eu

   http://bruu-naferreiira.tumblr.com/